› 
Chorar sem parar: aprenda a acalmar o bebé!

Chorar sem parar: aprenda a acalmar o bebé!

Chorar sem parar: aprenda a acalmar o bebé!
comentarios1 comentarios
comparte

Pedir ajuda é o principal motivo pelo qual chora um recém-nascido. Durante os seus primeiros meses de vida apenas saberá comunicar através do choro. Um sinal de alarme primitivo que tem como consequência a resposta imediata dos seus pais que acodem para atender às suas necessidades. No entanto, em algumas ocasiões esta resposta pode traduzir-se em desespero e desejo de acompanhar o bebé no choro.

Porque chora um bebé?

Durante os primeiros meses o recém-nascido chora com frequência. Felizmente, a partir do terceiro mês reduzirá consideravelmente o tempo de choro.

Existem várias razões que explicam porque é que chora um recém-nascido: dor, sono, incómodo, fome, saudade, falta de estimulação, excesso de estimulação, frustração. Os bebés não podem dizer “tenho fome”, “a fralda está suja” ou “estou aborrecido por estar deitado”. Em vez disso eles choram... e choram … algumas vezes aos olhos dos seus pais sem nenhuma razão aparente. Seguramente que tentou tudo. Viu se a fralda estava suja, já mamou, dormiu o suficiente, etc. Porque não se cala? Não pense no pior. Durante os primeiros meses, talvez pelo imaturo sistema nervoso, um bebé pode estar desconfortável e chatear-se por qualquer coisa, por exemplo com alguns ruídos e cheiros. À medida que os dias passam você irá descobrir o que faz o seu bebé sentir-se mal, ou melhor, a que se deve cada choro.

Conselhos para acalmá-lo

Apesar de nem todos os truques funcionarem para todos os bebés, deixamos-lhe aqui algumas técnicas para acalmar o seu bebé quando as lágrimas caírem. De certeza que encontrará a melhor forma para reconfortar o seu pequeno rebento.

Fale com ele: o som familiar e próximo da voz da mãe é uma das formas mais eficazes para acalmar um bebé. Fale com o seu filho docemente sem perder a calma. Isso dará confiança ao bebé.

Toque-lhe: o tacto e o contacto físico estimulam receptores no cérebro que acalmam o bebé. Um bom abraço pode tranquilizar o bebé. Experimente também encostar um peluche ou uma mantinha suave. Massajar o bebé também é igualmente eficaz, especialmente se sofre de cólicas. Uma massagem abdominal pode ser muito boa. Também pode deitar o bebé de barriga para cima e agarrá-lo nos pés, fazendo movimentos circulares com as suas pernas, como se a criança estivesse a pedalar.

Outro truque, se o bebé estiver incomodo pelos gases, é colocá-lo sobre o seu ombro. A barriga deverá estar à altura do seu ombro e a sua cabeça e pescoço tombados para trás. Segure bem a cabecinha da criança se esta ainda não for capaz de fazê-lo por si só.

Ao ritmo do seu coração: segure o seu bebé em posição vertical contra o seu peito, de forma que a sua cabeça descanse à altura do seu coração. Sentirá o ritmo dos batimentos e irá acalmar-se.

Recrie o ventre materno: ao nascer os bebés chegam a um mundo luminoso, hostil e ruidoso. Imitar, dentro do possível, o seu antigo ambiente pode apaziguar a situação. Para isso envolva a criança numa manta com braços estendidos ao longo do seu corpo. Pegue no bebé mantendo-o sobre a sua barriga e não sobre as costas. Emite ruídos rítmicos ou ligue um aspirador ou secador do cabelo. Acarinhe-o suavemente e deixe que chuche no seu dedo ou na própria chucha.

Sentado a ver tudo: quando o seu bebé estiver chateado e queixoso, tente que veja o que está à sua volta para se distrair. Segure-o contra o seu peito de costas para si. Com uma mão segure-o por baixo do rabinho como se estivesse sentado numa cadeirinha e com a outra mão rodeia o seu peito agarrando-o debaixo dos seus bracinhos. Mexa-o um pouco e caminhe.

Um bom banho: as propriedades relaxantes de um banho de água tíbia juntamente com o som do correr da água podem fazer maravilhas.

Distraia-o: ofereça-lhe um brinquedo ou um objecto novo que chame à sua atenção. Mostrar-lhe um espelho também é uma estupenda ideia para distrair o bebé do seu mau humor ou do seu aborrecimento.

Dar uma volta de carro: experimente levar o bebé a dar um passeio no carro. O constante movimento e o som do motor farão com que o bebé adormeça e se acalme.

Cante para ele: cantar para o seu bebé é um dos truques para acalmá-lo com mais êxito. Não se preocupe se desafina ou se não se lembra da letra da canção … invente! Experimente canções lentas, pois o corpo responde à música adaptando-se ao ritmo cardíaco e a respiração à velocidade da música.

Perante tudo procure não perder a calma: seguramente que em algumas ocasiões já se viu superada pelo choro do seu bebé, no entanto manter a calma é fundamental. O seu bebé notará a tensão e reagirá contagiando-se dela, o que se converterá num círculo vicioso difícil de romper. Embora não convenha deixar o bebé chorar até que se cale, não haverá problema “ignorar” o seu choro por cinco minutos enquanto você se tranquiliza e pensa noutra forma para acalmá-lo. Tão pouco deve deixar de pedir ajuda ao seu parceiro ou a um familiar se for necessário.  

O que deverá evitar

Colocar-lhe a chucha imediatamente: nos primeiros dias não é recomendável o uso da chucha. Depois poder dar a chucha ao bebé, de certeza que irá acalmá-lo. No entanto, deve tentar perceber o que faz chorar o bebé antes de colocar-lhe a chucha.

Dar-lhe de comer: se oferecer o biberão ou o seu peito sempre que o bebé chora antes de assegurar-se de que tem fome, estará a ensinar-lhe que comer é uma forma de acalmá-lo ou de apaziguar a sua ansiedade. Este hábito pode levar a futuros transtornos alimentares.

Experimentar todas as formas de acalmar o bebé à vez: logicamente que estes truques não são um bálsamo milagroso para calar um bebé. Alguns funcionam numas crianças, outros só funcionam noutras. Tenha paciência. Se experimenta um truque e depois de dois minutos experimenta outro, estará a excitar a criança ainda mais e o seu esforço não terá resultados.

Não obstante, se os choros do bebé persistirem ou se está preocupada, consulte o quanto antes um pediatra.

Depois de ler este texto, outras pessoas leram:

  • Meses do bebê. O bebê com 9 meses

    Com esta idade, a maioria dos bebes começa a gatinhar e a por-se em pé por si mesmos agarrando a algum objeto. É o começo para dar sus primeiros pasos. Tambem melhorou sua habilidade manual e sua capacidade... (bebe nervoso)

  • Meses do Bebê. Seu bebê aos cinco meses

    É hora de introduzir a alimentação complementaria. Seu bebê dá um grande passo ao começar a comer alimentos semissólidos. A primeira coisa que e recomendado dar são papas de cereais sem glúten, que... (recem nascido chora muito)

  • Meses do bebe. Seu bebe faz seis meses.

    Com a chegada dos 6 meses seu bebe move-se mais e melhor, sua abilidade manual melhorou, começa a prestar atençao aos otros bebés, pronuncia cada vez mais silabas e explora em todo momento o mundo que... (recem nascido que chora muito)

1 Comentarios

Anônimo
Entrar na sua conta ou registre-se para comentar este artigo.

Discusión

Anônimo
Enviado por: o dia 24-03-2014
Sou mae de uma bebe recém nascida e as dicas acima são importantes