• Buscar
Publicidad

O que pode comer um bebé de 4 meses?

O que pode comer um bebé de 4 meses?

Com essa idade os bebés só precisam de leite, preferívelmente leite materna, porque é o melhor alimento até os 6 meses. Também pode começar experimentar a fruta.

Publicidade

Índice

Alimentação exclusiva com leite materna até os 6 meses

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o melhor alimento e o único preciso até os 6 meses é a leite materna. Geralmente os bebés bebem três ou quatro veces e, pela noite costumam fazer duas tomas.

Não obstante, a alimentação deve ser demandada, por isso, só deverás dar o peito sempre que ele queira.

Se por algum motivo, não fazes mais latancia materna o bebé deve tomar leite de fórmula.

No caso de fazer biberão de leite de fórmula, as quantidades também depende de cada bebé e das suas necessidades, mas geralmente são 4 biberões por dia de entre 180 e 210 ml.

Introdução aos novos alimentos

Dez anos atrás, a introdução dos cereais sem glúten e as frutas se fazia ao redor dos 4 meses. Atualmente é recomendável a latancia materna exclusiva até os 6 meses, mas podem introduzir outros alimentos sem esquecer que a base da alimentação será a leite, seja materna ou artificial.

- Se já tem mais de 4 meses, podes começar adicionar cereais sem glúten (arroz e milho) em forma de papinha ou colocando no biberão.

- Seu sistema digestivo está pronto para comer fruta: laranja, pêra ou maçã. Podes fazer suco de laranja (sem açúcar) e ofrecer ao bebé. Também pode ir experimentando a fruta em fatias. Ao redor dos 5 meses também podes introzucir a colher.

Como sei se meu bebé está pronto para comer alimentos sólidos?

- Pode manter a cabeça levantada: para começar com os alimentos sólidos o bebé deve ser capaz de sentar numa cadeira e ter controle da sua cabeça.

- Abre a boca quando o alimento está perto: isso acontece por imitação, quando observam os adultos e querem imitar eles

- Quando ofereces comida com uma colher e não põe resistência. Se ainda ofrece resistência pode ser que não esteja pronto para comer alimentos sólidos. É totalmente normal, porque não está costumado ingerir nada mais espesso do que a leite. Se acontece, espera duas semanas até tentar de novo.

- Costumam estar prontos para começar comer alimentos sólidos quando alcançam o dublo do peso com o que nasceram. Mais ou menos no 4° mês.

Conselhos para introduzir alimentos sólidos

Embora hoje em dia a maioria de pais escolham alimentos infantis de fabricação industrial, o ideal seria cozinhar nossos próprios alimentos com ingredientes ecológicos ou pelo menos naturais.

Se escolhes os alimentos infantis de fabricação industrial:

- tenta escolher os que não usem açúcares.

- coloca num prato o alimento que vem dentro do pote.

- se sobrou comida, joga fora antes do segundo dia.

Se escolhes fabricar teus próprios alimentos:

- deves seguir as normas de segurança dos alimentos

- tenta preparar os alimentos de maneira que conservem a maioria das vitaminas e dos minerais. É melhor fazer no forno as fruta e legumes que ferver elas.

- congela o que sobrou.

- não faças espinafres, beterraba, judias verdes, abobrinha ou cenoura, pois podem conter nitrato. Podes utilizar esses alimentos de lata.

- Deves considerar a textura.

Que mudanças posso esperar ao introduzir comida sólida?

Basicamente todas as mudanças estarão nas fezes.

- As fezes serão mais sólidas e com um cheiro mais forte.

- Pode conter pedaços de alimentos sem digerir como a pele dos tomates.

- A cor pode ser variável, se come espinafres pode que seja verde escuro enquanto a beterraba pode ser vermelho.

Se as fezes são moles é porque introduziste os alimentos quando o sistema digestivo do bebé ainda não estava pronto. Nesse caso retira os alimentos sólidos e introduce eles mais tarde.

Que alimentos devo evitar?

Primeiramente deves sabes as alergias do bebé, assim como dos familiares. Se algum familiar tem, o mais provável é que teu bebé o desenvolva também.

Sintomas das alergias:

- erupção.

- inchação abdominal.

- diarréia.

- vômitos.

Quando teu filho apresente sintomas de alergia, não ofreças o mesmo sem consultar com o médico.


Glosario

Diarreia

Definição:

Aumento do volume, frequência, ou quantidade de líquido nas deposições.Pode ser a manifestação mais frequente de alteração na absorção ou transporte intestinal de substâncias, que geralmente se deve a uma infecção bacteriana ou viral, a toxinas alimentares, etc.

Sintomas:

Dor abdominal, febre, náuseas, vómito, debilidade ou perda de apetite.

Tratamento:

Não tomar alimentos sólidos durante umas 24 horas, beber apenas água ou soro durante as primeiras horas. Uma vez passado este tempo, e se a quantidade de deposições diárias diminui, introduzir  a pouco e pouco uma dieta suave (caldo de arroz, etc.).

Publicidade

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

×