Posições para amamentação

Posições para amamentação
Partillhar

Manter uma postura correta para amamentar é a essencial para garantir uma amamentação bem sucedida, garantir a produção de leite e evitar complicações no peito.

Não existe uma posição única para dar de mamar a um recém-nascido, toda mulher pode usar uma , várias ou todas como mais confortável ou mais fácil seja para ela, o que si deve garantir é que a posição permita ao bebé se agarrar corretamente.

Engate no peito

Todos os bebés nascem com um reflexo que faz deles procurar instintivamente o mamilo. Pelo que ao roçar no nariz ou queixo vai abrir a boca para agarrá-lo. No entanto, dependente da mãe que engate corretamente. Para isso deve tê-lo bem colocado, de modo que a cabeça e o pescoço do bebê estejam em linha com as costas ou ligeiramente inclinados para atrás. O queixo deve tocar o seio de sua mãe, enquanto a boca se abre cobrindo toda ou a maior parte da aréola e do mamilo, a língua por debaixo de este e os lábios dobrados para fora.

Deve ser apreciado que os músculos do maxilar e da orelha se mechem com asucção sem afundar bochechas.

Para garantir a amamentação eficaz é também importante que o resto do corpo bebé esteja numa posição adequada, que facilite o engate correto, especialmente no início. Depois, é muito provável que o pequeno seja capaz de sugar bem em qualquer posição.
 

Métodos anticoncepcionais durante a amamentação

Métodos anticoncepcionais durante a amamentação

Apesar de ser quase certo que durante os primeiros meses de dar peito é muito difícil ficar grávida, pode-se produzir um parto imprevisto embora ainda não esteja consciente de que lhe voltou o período. Por isso, se ainda não quer ter outro filho, o mais seguro é que procure um método anticonceptivo compatível com a amamentação.

As posições mais frequentes que facilitam uma lactação eficiente são:

Pose Clássica: a mãe está sentada, com as costas alçadas e apoiadas. Segure a seu bebé com o braço contra seu corpo como se fosse balançá-lo. A cabecinha da criança fica apoiada sobre o cotovelo e o cu dele na mão de sua mãe. A outra mão pode ser servir para ajudar a sustentá-lo. As barrigas de ambos devem estar em contato, ou seja corpo com corpo. Para que o bebé se agarrar bem, com os braços devem se aproximar da mãe e não a mãe seinclinar em direção a ele. Assim também vai evitar tomar uma posição incomoda.

Às vezes, essa posição é mais confortável para a mãe e criança, se a mãe esta ligeiramente inclinada para trás. Desta maneira ficam juntos, mas o peso do pequeno recai sobre o corpo de sua mãe e não no braço, o que alivia muito.

Posição Rugby: Esta posição é altamente recomendado em casos de gêmeos ou cesariana, devido a que permite amamentar dois bebês de uma vez e não precisa recostar lós na barriga afetada pela incisão. A criança ou as crianças são colocadas no lado com os pés para atrás e o corpo por em baixo  dos braços de sua mãe. Como se pegasse uma bola de rugby.

Tombada: Ideal para tomas noturnas. A mamãe permanece deitada de barriga para cima e o bebê encima virado para baixo. Também pode colocar-se , ambos, de lados, de frente para o outro.

A loba romana: Esta posição é recomendada no caso de obstruções ou mastite, exigindo que o bebẃ não pressione nas áreas inflamadas do peito. Colocasse acriança deitada de costas para baixo em uma superfície macia e confortável, por exemplo, na cama. A mãe fica de quatro e inclina-se sobre ele dirigindo o peito à boca, até que a criança pode engatar.

A cabalo: Esta posição é apropriada quando a criança tem uma fissura labial ou tem regurgitação ou refluxo gastroesofágico. Y é a seguinte: Mãe sentada e apoiada nas suas costas enquanto o bebê é mantido sentado a cabalo sobre a perna de sua mãe e a frente do seu peito.


0 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
×


×
×
×
Cerrar