Aumenta o número de recém-nascidos com deformações no crânio por dormirem de barriga para cima

Aumenta o número de recém-nascidos com deformações no crânio por dormirem de barriga para cima
Partillhar

Um em cada 30 recém-nascidos desenvolve uma deformação do crânio por dormir de barriga para cima.

No te puedes perder ...

Estas deformações de postura, que podem ter um grau de gravidade leve a moderado, podem ser causadas por uma má postura a dormir e podem ser corrigidas mediante uma posição durante o dia.

Desta forma, os pais devem aconselhar-se com o pediatra sobre as várias posições nas quais os bebés devem estar deitados durante o dia. Para além disto, não se devem confundir as deformações de nascimento com as provocadas por o bebé dormir de barriga para cima.

Vários especialistas aconselham que os bebés durmam de barriga para cima durante a noite e de barriga para baixo durante o dia. Desta forma a cabeça do bebé não vai sofrer sempre a mesma pressão, e não sofrerá deste tipo de deformações.

A correcção passa pela cirurgia

Estas deformações podem ser detectadas a partir do segundo ou terceiro mês, no entanto, muitos pais apenas reparam nessa situação muito tarde. Nestes casos, quando o bebé tem mais de sete meses e um grau de deformação muito grande, reduzem-se as possibilidades de se aplicar uma medida de correcção preventiva. Dessa forma, a correcção de muitas destas deformações passa pela aplicação de óteses: uma solução que não garante uma total correcção, já que a partir dos 6 meses a correcção é mais demorada. Assim, nos casos de crianças com mais de 15 meses a única possibilidade de correcção é a cirurgia, mas isto se estiverem muito deformadas.
 



0 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
×


×
×
×
*/?>