Protectores solares: aprenda a escolher os mais indicados para bebés e grávidas!

Protectores solares: aprenda a escolher os mais indicados para bebés e grávidas!
Partillhar

O sol é benéfico para a saúde, é uma fonte de vitamina D que previne o raquitismo e a osteoporose, faz com que nos sintamos bem e dá-nos energia. No entanto, não há duvida de que as exposições prolongadas e sem nenhum tipo de precaução também podem ser perigosas, especialmente para os mais pequenos e para as mulheres grávidas.

Por um lado as crianças são especialmente vulneráveis aos efeitos prejudiciais do sol devido à sua delicada pele. Por outro lado as alterações hormonais fazem com que a pele das mulheres gestantes também seja mais sensível, pelo que no Verão toda a precaução é pouca quando se trata de estar ao sol.

A marca Piz Buin, especialistas em produtos de protecção solar, oferece a todas as famílias as chaves para se desfrutar do sol sem qualquer tipo de riscos:

- Comece com um factor de protecção alto e diminua-o progressivamente à medida que a pele se brônzea. Não deixe de usar protector mesmo quando já está bronzeada. Desta forma será mais seguro e duradouro e, para além disso, evitará o envelhecimento prematuro da pele.

- Deve utilizar protecção mesmo que o sol não brilhe. Embora esteja nublado, os raios UVA podem penetrar na pele e provocar o seu envelhecimento prematuro, já que até 90% da radiação solar pode penetrar uma capa de nuvens.

- Lembre-se que deve sempre proteger o seu rosto com um creme solar especificamente desenhado para isso e utilize o dobro da protecção que no resto do corpo.

- Aplique protector solar em casa entre 20 a 30 minutos antes da exposição solar de maneira uniforme por todo o corpo antes de vestir o fato de banho.

No te puedes perder ...

Como preparar a chegada de um bebé? Fique a saber o que é necessário comprar

Como preparar a chegada de um bebé? Fique a saber o que é necessário comprar

À medida que se aproxima o momento do parto surge uma nova complicação para os futuros papás, sobretudo, para aqueles que o vão ser pela primeira vez: obter todos os objetos necessários para o cuidado do bebé. A gama de artigos de puericultura disponível no mercado é tão variada e ampla que o mais normal é que os pais fiquem confusos com as compras. Veja o que realmente é necessário antes de começar as suas compras.

- Não se esqueça de aplicar o produto nas zonas difíceis e frequentemente esquecidas, como as orelhas, nariz e parte alta das costas, zonas mais propensas às queimaduras solares.

- A quantidade recomendada de produto para uma aplicação de corpo inteiro é de aproximadamente três colheres se sopa. Ao reduzir esta quantidade está também a reduzir significativamente o nível de protecção.

- Utilize produtos que sejam resistentes à água. A superfície da água pode reflectir até 25% das radiações UV. Assim, quando está na água o seu corpo recebe cerca de 25% mais de radiação UV que o habitual. E não é só isso, os raios de sol podem alcançar mesmo debaixo de água porque a radiação mantém até 40% da intensidade a meio metro abaixo da superfície.

- É recomendável usar batons labiais com protecção solar, já que a pele dos lábios é especialmente sensível porque não produz melanina, pelo que carece de auto-protecção natural. Para além disso, é muito mais fina que a do resto do corpo e a sua cor é mais clara tornando-se assim mais vulnerável à exposição solar.

- Depois da exposição solar trata a sua pele com um creme aftersun especifico para restaurar o equilíbrio de hidratação. Estes produtos protegem a pele da desidratação e asseguram um bronzeado mais duradouro e equilibrado.

- Os raios UV tornam-se mais fortes quanto mais se aproxima do equador. Se tem estiver a pensar viajar para esta zona deve utilizar um protector de máxima protecção, já que a radiação UV nessa zona é extremamente intensa.

- Beba muita água. Assim evitará a desidratação da pele e estará muito menos vulnerável ao sol.

- Evite uma exposição prolongada ao sol nas horas de ponta (normalmente entre as 11 da manhã e as 3 da tarde).

- Embora utilize um protector solar, evite uma exposição prolongada ao sol já que uma exposição solar excessiva representa um risco grave para a saúde.

- Um chapéu-de-sol largo e uns óculos de sol são uma boa protecção adicional.

- Assegure-se de que os bebés e as crianças com menos de três anos não se expõem directamente ao sol já que a sua pele é extremamente sensível às radiações dos raios UV. Lembre-se de utilizar uma protecção própria para crianças e renove periodicamente o creme, especialmente se estão muito tempo na água.

- Sobretudo não se esqueça de que é necessário utilizar um produto solar diário durante todo o ano que a proteja contra o envelhecimento prematuro da pele, das manchas, da hipersensibilidade ou do cancro, entre outros problemas.

Que factor de protecção utilizo?

Para evitar queimaduras deve adequar o índice de protecção IP e UVA em função do fototipo e das condições nas quais se expõe ao sol, onde se encontra e da actividade que vai realizar. Lembre-se que o objectivo de uma protecção elevada não é aumentar o tempo permitido de exposição antes da queimadura, mas sim reduzir o risco de danos solares.
 

 

Fototipo

Características

Exposição máxima sem protecção

Fotoprotector aconselhado

I

Pele clara, leitosa, com sardas. Intensas queimaduras solares. Nunca se bronzeiam.

10 minutos

50 ou mais

II

Pele branca. Queimam-se facilmente.

15-20 minutos

40-50

III

Pele clara. Raça caucásica, europeia. Queimam-se em algumas ocasiões, com moderação

30 minutos

20-30

IV

Pele ligeiramente escura. Raça mediterrânea. Queimam-se minimamente.

30-45 minutos

15-20

V

Pele escura. Raça hispana, índia, sul-americana. Raramente se queimam

1 hora

Mínimo 10

VI

Raça negra. Não se queimam

Mais de 1 hora

Protecção mínima

Precauções especiais na gravidez

Durante a gravidez aumenta a coloração da pele. Até cerca de 70% das mulheres grávidas sofrem de alterações na cor de pele. Por volta do quarto mês de gestação podem aparecer manchas castanhas na cara, nariz, zona labial e pescoço. É o que se conhece como cloasma ou máscara da gravidez. As mulheres com pele mais escura podem desenvolver manchas mais claras. A origem exacta do cloasma é incerta, mas parece que é causado por um aumento excessivo da melanina, o pigmento que dá cor à pele e ao cabelo, quem sabe motivado pelas hormonas e acredita-se que tem uma relação directa com a exposição ao sol. Embora estas manchas não sejam permanentes e que acabem por desaparecer gradualmente depois do parto, para reduzi-las e preveni-las deve afastar-se da exposição directa aos raios solares, utilizar um factor muito alto de protecção solar e utilizar chapéus quando estiver ao ar livre.

Verão sem varizes

Durante a gravidez o volume de sangue aumenta até cerca de 30%. Para além disso, a hormona relaxina que se produz para abrandar os ligamentos e articulações para facilitar o parto também relaxa as paredes dos vasos sanguíneos e, juntamente com o peso do bebé, faz com que o aparecimento de veias varicosas seja mais frequente durante a gestação. No Verão as varizes pioram chegando a afectar cerca de 80% das mulheres com mais de 35 anos.

Apesar disso, alguns especialistas deixam aqui algumas dicas para que possa aproveitar o Verão e evitar que as pernas sofram com o calor.

O calor tem um efeito vasodilatador sobre as veias o que provoca um aumento dos desconfortos tais como peso, cansaço, cãibras, formigueiros e inchaço. Isto faz com que o calor seja um verdadeiro suplício para as pessoas que sofrem de problemas de circulação. Dessa forma, vários especialistas aconselham os seus pacientes a aproveitarem o Verão e a conseguirem extrair dele o melhor que tem, isto seguindo uma correcta saúde vascular e evitando o sofrimento das pernas e das pessoas:

- O mais importante é não expor as pernas ao sol ou a qualquer outro foco de calor durante tempos prolongados. Para isso os médicos aconselham roupas largas e que evitem o sol directamente nas pernas.

- Recomenda-se não permanecer de pé ou sentada com as pernas baixas por muito tempo. Deve aproveitar e dar curtos passeios ou procurar qualquer desculpa para levantar-se e esticar as pernas ou trocar de postura. Por exemplo ofereça-se para ir comprar um gelado, etc.

- Nos dias mais quentes do Verão o melhor é tomar um duche de água fria. Os duches de água fria são excelentes para activar a circulação. Centre-se nas pernas com alternando jactos de água fria com jactos de água morna.

- As massagens desde os pés até às coxas são muito aconselhadas para a correcta saúde vascular. Os médicos recomendam fazer uma massagem de vários minutos duas vezes ao dia com um gel de Aloé Vera, guardado previamente no frigorífico para que esteja frio. Com estas massagens não só conseguirá acalmar a dor das pernas como também terá uma sensação muito refrescante.

- Uma das melhoras formas de aproveitar os dias de praia é passear pela areia com as pernas dentro de água.

- Por ultimo é recomendável descansar as pernas elevadas sempre que esteja cansada e com as pernas pesadas.

 - Alternar estes conselhos com uma dieta rica em fibras e verduras e pobre em sal, condimentos, especiarias, fritos ou picantes é a melhor solução para minimizar os desconfortos às pessoas com varizes e conseguir ter um Verão mais saudável.


 



Fecha de actualización: 28-06-2010

Redacción: Irene García

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

×


×
×
×
*/?>