×
  • Buscar
Publicidad

Brinquedos: aprenda a escolher o ideal!

Brinquedos: aprenda a escolher o ideal!

É verdade que são inúmeros os benefícios que apontam para os jogos de casa, mas também é verdade que devido à grande variedade de brinquedos é difícil escolher qual será o ideal para o seu filho.

Publicidade

Alguns psicólogos e educadores estão de acordo no que diz respeito às vantagens que um jogo pode ter nos primeiros anos de vida de uma criança: incute valores educativos nos mais pequenos, é o principal método de socialização fora do seio familiar. O jogo permite desenvolver determinadas destrezas e hábitos que as crianças vão precisar durante toda a vida, assim como, também fomenta a independência, a auto-estima e a criatividade, permitindo que as crianças libertem toda a sua energia. Por isso, vários profissionais consideram estes os principais benefícios dos jogos e brincadeiras durante a infância:

- Para além de ajudar as crianças a conhecerem tudo o que as rodeiam, os jogos e as brincadeiras permitem aos mais novos interagir com pessoas que não fazem parte do seu seio familiar;

- Fomentam a criatividade permitindo que o seu filho desenvolva a sua personalidade de forma autónoma;

- Ajuda as crianças a interiorizar certas regras de comportamento e disciplina;

- Aumenta a auto-estima dos mais pequenos, que aprendem a superar-se aumentando a confiança neles próprios e nos outros;

- Através dos jogos e das brincadeiras desenvolve-se, de uma maneira mais eficaz, as capacidades intelectuais, psicológicas, emocionais e motoras da criança;

No te puedes perder ...

Como preparar a chegada de um bebé? Fique a saber o que é necessário comprar

Como preparar a chegada de um bebé? Fique a saber o que é necessário comprar

À medida que se aproxima o momento do parto surge uma nova complicação para os futuros papás, sobretudo, para aqueles que o vão ser pela primeira vez: obter todos os objetos necessários para o cuidado do bebé. A gama de artigos de puericultura disponível no mercado é tão variada e ampla que o mais normal é que os pais fiquem confusos com as compras. Veja o que realmente é necessário antes de começar as suas compras.

Y tambien:

- Por último, contribuem para que a inteligência e o corpo do seu bebé cresçam em harmonia.

 

Quais são os jogos mais adequados para cada idade?

Dos 0 aos 6 meses. Esta é uma etapa na qual o bebé necessita de descobrir, de estimular os seus movimentos e sentidos e de favorecer as primeiras manipulações e pressões de objectos. Desta forma, a criança começa a descobrir as sensações que os objectos produzem, como as diferentes texturas, abrir um batom, etc. Assim, são mais indicados para esta idade todos aqueles jogos que contribuem para tudo isto.

Dos 6 aos 12 meses. O bebé necessita de conhecer tudo o que o rodeia, já que os seus movimentos começam a ser mais amplos, controlando cada vez mais o seu corpo. Por isso, as brincadeiras mais adequadas para esta idade são aquelas que permitem ao seu filho explorar tudo ao seu redor.

Dos 12 meses aos 2 anos. Nesta idade as crianças encantam-se com as brincadeiras que as fazem sentir-se mais independentes e autónomas. Para além disso, gostam muito daqueles jogos que permitem movimentos e que tenham música à mistura.

Dos 2 aos 3 anos. Os jogos mais apropriados para esta idade são aqueles que contribuem para que o seu filho aprenda a linguagem,  que imitem, de certa forma, a vida adulta e que permitam que as crianças desenham, pintem e criem formas.

Dos 3 aos 5 anos. As crianças têm necessidade de desenvolver a sua imaginação e aprender novos conhecimentos. Nesta idade gostam principalmente de relacionar-se e brincar com outros. Desta forma, os jogos mais adequados são aqueles que permitem que o seu filho desfrute da companhia de várias crianças, favorecendo os aspectos mencionados.

A partir dos 5 anos. As brincadeiras mais adequadas nesta fase são aquelas que dão a possibilidade às crianças de colaborarem com outros miúdos e realizarem tarefas em grupo. Isto, favorecendo o desenvolvimento das habilidades manuais e a destreza, por exemplo, os jogos de tabuleiro.

Mas … como é que é o brinquedo ideal?

Como todos sabemos, nos últimos anos o mundo dos jogos e dos brinquedos sofreu uma grande revolução devido, principalmente, ao importante desenvolvimento tecnológico. Por isso, um prestigiado gabinete de investigação espanhol realizou um estudo para analisar o impacto do desenvolvimento tecnológico na maneira de conceber os jogos, na forma de jogar e nas novas funções de um jogo.

De acordo com este estudo, as mães compram brinquedos como se fossem uma ferramenta essencial para a criança descobrir, conhecer, explorar e experimentar o mundo que a rodeia. A estes brinquedos tradicionais, como uma boneca, um peluche ou um tabuleiro, adicionou-se um desenvolvimento técnico e acabaram convertidos nos brinquedos mais valorizados pelos pais, ou seja, é necessário encontrar um equilíbrio entre ambos os aspectos: há que saber adicionar as grandes vantagens atractivas da tecnologia sem que estes brinquedos percam os valores tão positivos do brinquedo tradicional.

Este estudo concluiu ainda que existem muitas influências positivas da evolução tecnológica no desenvolvimento emocional das crianças. Actualmente, pode encontrar brinquedos tecnológicos da vanguarda que permitem que as crianças desfrutem, aprendam e estimulem ao máximo as suas habilidades dinâmicas, cognitivas e intelectuais.


Fecha de actualización: 26-11-2008

Redacción: Irene García

Publicidade

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.