Desenvolvimento infantil: aprender a ler mapas

Desenvolvimento infantil: aprender a ler mapas
Partillhar

Os mapas são uma das ferramentas mais úteis para as pessoas. Todos nós lhes devemos muito pois graças a eles conseguimos chegar a diversos sítios. Muitos exploradores traçaram novas rotas e descobriram novos mundos graças à ajuda dos mapas. Os piratas também os seguiram para encontrar tesouros escondidos. O sentido de aventura, o descobrimento e as viagens são inatos aos mapas. Dessa forma, ler um mapa é uma habilidade que as crianças anseiam ter.


 

Chega a época de festas, de férias e das viagens em família. Aproveitar o momento para ensinar as crianças a interpretarem e usarem os mapas pode ser uma tarefa realmente emocionante. Ficará surpresa ao ver como o seu pequenote estará disposto a aprender e a descobrir tudo sobre eles. Desde muito cedo pode começar a dedicar-lhe tempo para que adquira esta importante habilidade que lhe será de muita utilidade durante toda a vida.

Com este artigo queremos oferecer-lhe alguns conselhos e actividades práticas para que inicie os seus filhos na apaixonante tarefa de ler os mapas e de certeza que passará um bocado bem divertido.

Até aos 6 anos

- Utilize palavras direccionais na vida diária. Os mais pequenos começam a familiarizar-se com o conceito relacionado com a ubicação, como em cima e debaixo, direita e esquerda, próximo e longe ou aqui e ali.

- Observe as estrelas, a lua e os movimentos do sol. A sua capacidade para compreender a natureza simbólica dos mapas ainda não está desenvolvida, por isso tem de começar com os grandes conceitos. Assinale-lhe o céu e a terra, instintivamente detectará o seu grande tamanho e dimensão. Quando anoitecer observem o céu, indique-lhe o céu, a lua e as estrelas, assim aprende que existem coisas que estão bem longe de nós.

No te puedes perder ...

Desenvolvimento infantil: saiba o que fazer em situações traumáticas!

Desenvolvimento infantil: saiba o que fazer em situações traumáticas!

As crianças são várias vezes vítimas de acontecimentos e situações traumáticas que para elas supõem um forte impacto emocional. Perante acontecimentos trágicos como pode ser a morte de um familiar, especialmente se for alguém próximo como os pais ou irmãos, os adultos muitas vezes não sabem como, quando ou quem deve explicar o ocorrido aos mais pequenos.

- Realize trabalhos manuais relacionados com a geografia

As crianças pensam concretamente e torna-se difícil compreender o conceito de mapa como a representação de uma zona. Brincar com globos pré-escolares, pintar desenhos relacionados com a terra e os continentes ou utilizar jogos multimédia é uma boa forma de despertar o seu interesse para idades posteriores.

Dos 6 aos 8 anos

- Introduza os mapas elaborando um de uma zona familiar para a criança. Ler um mapa requer do pensamento abstracto que tem lugar entre os 7 e os 9 anos. Entre os 7 e os 8 anos as crianças já podem começar a ler mapas simples. Torna-se bastante difícil expressar os conceitos de representação de lugares reais sobre papel através de símbolos, esquemas ou diagramas.

Uma forma simples e amena para aprender a ler um mapa é criar um mapa de uma zona que seja familiar. Desde o mapa de casa a um mapa do bairro ou até do seu quarto. É importante fazê-lo simples e não devemos preocupar-nos pela falta de perspectiva e proporção. Esse não é o objectivo por agora.

- Todos os mapas precisam de cores, chaves e símbolos. Criar símbolos parecidos aos objectos da zona que está desenhada ajuda a criança a dar o salto conceptual. Por exemplo, se desenha o mapa do bairro e há um pequeno parque, o facto de desenhar uns pequenos baloiços será a representação do parque.

Também é o momento para dar-lhe uma bússola que lhes permita aprender as direcções. A bússola ajudará a criança a compreender se segue o caminho do sol desde que nasce até que se põe.

- Observe os mapas dos lugares que visitam quando viajam. À medida que as crianças se familiarizam com os mapas começam a compreender outros mais complicados, como mapas do mundo, de caminhos e os mapas físicos. Os mapas políticos também se podem ir introduzindo e, embora as crianças nesta idade ainda não tenham a ideia dos países muito clara, também pode ajudá-las com os globos terráqueos que facilitam a compreensão dos continentes.

As crianças encontrarão a aplicação prática do aprendido nos planos do metro, nos mapas que há nos parques ou inclusive no mapa da cidade em que vive. Pegue no mapa, fale com o seu filho sobre a rota que vão seguir, ensine-lhe o ponto em que estão e para o qual se dirigem. Verá os seus olhos de fascínio e o seu contentamento.

A partir dos 8 anos

Nesta idade verá que as crianças adoram os mapas e estão desejosas de utilizá-los. Também estão familiarizados com as direcções nordeste, noroeste, sudeste e sudoeste.

- Planifique as suas férias e excursões com a ajuda de um mapa e do seu filho. Quando sair de férias ou quando fizer algum passeio trace a rota que seguirá num mapa. Quando chegar ao destino pegue nos folhetos e siga os pontos de interesse. Deixe que o seu filho participe activamente neste processo.

- Introduza as escalas gradualmente. Nesta idade as crianças podem começar a perceber o conceito de escala, pelo que pode ensinar-lhes esta característica dos mapas. A pouco e pouco o seu filho irá compreender este conceito abstracto que irá utilizar progressivamente.

- Os planos de planta são muito divertidos de utilizar. Se tem o plano da sua casa é um bom momento para ensiná-lo, assim pode incentivar a criança a desenhar o seu quarto à escala. Pegue num papel quadriculado e ensine o seu filho a utilizar uma unidade que representa uma certa distância. Com a ajuda de uma régua e de um lápis trace as distâncias. Muitos arquitectos importantes começaram por criar planos nesta idade. Porque não incentivar também o seu filho para que o faça?

- Uma actividade educativa com um plano do tesouro. Proponha ao seu filho que elabore, com tudo o que sabe, um plano de um tesouro que esconda, que deixe pistas e novos planos que ajudem toda a família a encontrar o tesouro. Pode ser uma actividade muito divertida em qualquer momento do ano.

Ler mapas é uma actividade divertida que se pode fazer em família e que requer de tempo e paciência. Comece o quanto antes, primeiro de forma simples e depois vá introduzindo novos conceitos. Incentive o seu filho a desenhar e a criar os seus próprios mapas, bem para encontrar um tesouro ou para ir a algum sítio, incentive-o a que faça de guia e os interprete quando vai de viagem. Verá que será uma habilidade da qual o seu filho se sentirá orgulhoso.



Fecha de actualización: 04-06-2009

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

0 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
×


×
×
×
*/?>