×
  • Buscar
Publicidad

Faz voar o tua pipa

Faz voar o tua pipa

As crianças de hoje estão cada vez mais acostumadas a divertirem-se com jogos de vídeo capazes de fazer qualquer coisa com apenas o apertar de um botão. Propomos-lhe uma tarde diferente com os seus filhos … construir uma pipa é mais simples do que pensas!

Publicidade

No te puedes perder ...

Recém-nascido, fique a conhecer as maiores preocupações dos pais!

Recém-nascido, fique a conhecer as maiores preocupações dos pais!

Como recém estreado pai deve ter recebido conselhos de todos os seus amigos acerca de como cuidar do seu bebé. Desde como adormecê-lo até quando precisará do seu primeiro par de sapatos. No entanto, esses inúmeros conselhos nem sempre são produtivos. Demasiada informação sobre o que deve ou não deve fazer pode acabar por gerar confusão. Em muitos casos seguir os próprios instintos pode ser o melhor caminho. Desde como tratar o seu cordão umbilical, até à conveniência da chucha, damos-lhe a resposta para as 10 preocupações mais frequentes que podem apoderar-se da mente dos pais com a chegada do primeiro bebé.

Y tambien:

Índice

Um pouco de história …

A pipa tem a sua origem no Oriente, faz cerca de dois mil anos, concretamente na China, onde era utilizada com fins religiosos e era conhecida como ave de vento ou harpa de vento. Mas, cada país adaptava a pipa à sua cultura, por exemplo na Coreia anunciava o nascimento de uma criança, no Japão converteu-se num jogo de competição entre as classes sociais e na Oceânia utilizavam-se as pipas para pescar. Na América a cultura maia utilizou as pipas com fins comunicativos entre povos próximos, cada cor tinha o seu próprio significado.

A chegada das pipas à Europa deve-se às rotas comerciais dos séculos XV, XVI e XVII. No iniciam eras vistos como curiosos objectos impregnados de todo o mistério oriental, mas rapidamente se foram introduzindo no uso como jogo infantil.

Como se faz uma pipa?

As pipas podem voar graças ao vento, ao desenho e aos materiais. Para construir uma pequena e simples não precisa mais do que papel ou tecido, fio, um laço, palitos e um pouco de habilidade. Anime-se!

- Com um bocado de tecido ou papel, que as crianças podem pintar ao seu gosto, fazemos um quadrado. Depois dobramo-lo, formando um triângulo e voltamos a desdobrar.

- Dobramos os dois lados para que se toquem no centro.

- Depois fazemos uns pequenos buracos e passamos um fio no buraco.

- Por último ata um fio bastante largo para a pipa poder voar.

Se já tens a pipa feita agora só falta procurar um bom sítio para voar, um espaço aberto e livre de cabos eléctricos. É importante que esteja bom tempo, pois com a chuva ou a humidade a corda pode-se molhar e actuar como condutora da electricidade estática.


Fecha de actualización: 28-08-2020

Redacción: Irene García

Publicidade

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.