A influência da cor dos brinquedos no comportamento das crianças

A influência da cor dos brinquedos no comportamento das crianças
Partillhar

Todos sabemos que a cor das paredes de uma casa influencia o ânimo das pessoas que nela se encontram. Por exemplo, o verde e o azul transmitem paz e serenidade, enquanto os vermelhos e laranjas são mais dinâmicos e agressivos e dão a sensação de movimento. Agora, um estudo da Associação Espanhola de Pediatria (AEP) revela que também a cor dos brinquedos afecta o comportamento das crianças.

Uma cor para cada criança

Brincar é uma actividade fundamental para o crescimento, desenvolvimento e relação social. Por isso, é muito importante fazer uma boa selecção dos brinquedos dos nossos filhos de acordo com a idade, o desenvolvimento, a personalidade e, seguindo o estudo da AEP, a cor do brinquedo.

Dessa forma, tal como explica Jordi Mateu, pediatra e coordenador da Comitiva de Segurança e Prevenção de Acidentes da AEP, a cor dos brinquedos pode influenciar no carácter e personalidade da criança "Os brinquedos vermelhos geram dinamismo e incentivam ao movimento e, por isso, são recomendados para as crianças mais tranquilas que precisam de actividade. Os de cor azul favorecem o relaxamento e ajudam a dormir, pelo que são aconselhados para crianças activas e irritadiças. Já os amarelos melhoram a concentração e ajudam no desenvolvimento da inteligência, enquanto os de cor laranja trazem alegria e fomentam a actividade", explica Mateu. De acordo com isto, os amarelos seriam adequados para crianças com dificuldades de concentração e os laranja para aquelas crianças que passam por uma etapa de certa tristeza. Finalmente os de cor branca parece que promovem o descanso e o relaxamento.

Como escolher o brinquedo perfeito?

Para além de ter em conta a cor do brinquedo segundo a personalidade e o estado de ânimo da criança, a AEP recomenda também que deve ter em conta a idade e o desenvolvimento da criança. O Dr. Paulino Castells, psiquiatra infantil e membro da AEP, explica que "nos primeiros anos de vida e para motivar a afectividade da criança, aconselha-se brinquedos como bonecos, ursos e outros animais. Para estimular a sua motricidade, brinquedos como bolas, bicicletas, triciclos com pedais ou brinquedos de construção. Já no que diz respeito a estimular a sua sensibilidade e expressão deve proporcionar ao seu filho brinquedos musicais (de cordas, sopro ou precursão), sem esquecer aqueles que se podem montar e desmontar ou de perguntas e respostas que estimulam a sua capacidade mental".

Daí que a AEP estabeleceu uma classificação com os brinquedos que são adequados para cada idade para fomentar as capacidades de cada etapa. Por exemplo, para bebés entre os 0 e os 12 meses recomenda-se colchões para gatinhar, brinquedos sonoros e objectos que rodem.

Entre 1 e os 2 anos são aconselhados os brinquedos que podem empurrar (andadeiras, triciclos, etc.), instrumentos musicais simples, fotografias de animais ou construções para desenvolverem a exploração e a curiosidade.

Entre os 2 e os 3 anos deve basear-se nos brinquedos de movimento, contos ilustrados, marionetes ou plasticinas. Quando chegam aos 3 anos, momento no qual começa a etapa da imitação, recomenda-se disfarces, bonecas, barcos, aviões ou comboios de madeira. Dos 4 aos 6 anos, a etapa da imaginação, quebra-cabeças, pinturas e construções simples. Por último, para crianças dos 6 aos 8 anos, a Associação recomenda oferecer patins, quebra-cabeças e brinquedos de mesa, assim como os seus primeiros brinquedos elétricos.

Deve ter cuidado com os brinquedos que incitam a violência, o racismo ou comportamentos sexistas. Também se deve limitar o tempo que as crianças passam em frente às consolas e no computador e controlar os conteúdos dos mesmos.

Resumindo, o que se procura através dos brinquedos é o fomentar o desenvolvimento, tanto intelectual, como físico e psicológico. Por isso, é muito importante termos atenção ao que oferecemos aos nossos filhos.

 

 

 

FONTE: Associação Espanhola de Pediatria.

Redacción: Irene García.


0 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
×


×
×
×