• Buscar
Publicidad

Babyshower - Celebrar os últimos dias de gravidez

Babyshower - Celebrar os últimos dias de gravidez

Como todas as modas norte-americanas, também a celebração do Baby Shower chegou a Portugal e a pouco a pouco vai-se tornando cada vez mais comum. Esta festa, que se celebra na reta final da gravidez, pode ser uma reunião só de mulheres na qual se oferecem prendas para o bebé e para a futura mãe. Quer celebrar o seu próprio Baby Shower e não sabe como? Aqui damos-lhe umas quantas ideias e dicas.

Publicidade

Índice

 

O que é um Baby Shower?

É a última importação da cultura anglo-saxónica, uma festa pré-natal para celebrar a iminente chegada do bebé. Nesta festa as amigas e familiares da grávida reúnem-se para dar uma série de prendas práticas à futura mãe: berço, muda-fraldas, carrinho, etc. Tudo o que é necessário para cuidar da criança.

É uma excelente oportunidade para se juntarem antes do nascimento da criança e celebrarem a chegada de um novo membro da família.

Antigamente era uma festa da qual só tínhamos consciência pelas séries e filmes norte-americanos. No entanto, a pouco e pouco foi-se introduzindo na sociedade portuguesa e são cada vez mais as grávidas que a celebram. E porque não? Ao mesmo tempo que se reúne com as pessoas que lhe são mais queridas, também recebe prendas muito práticas para o seu bebé. A combinação perfeita para qualquer festa.

Embora nos pareça uma ideia muito moderna, o certo é que existem antecedentes históricos muito antigos e indícios de que muitas civilizações primitivas levavam a cabo reuniões similares entre as mulheres com vínculos afetivos. Agrupavam-se em torno da grávida e entre risos e relatos, ensinavam-nas a passar esses últimos dias de gravidez, a respirar, a cuidarem da criança, etc.

 

Como organizar o evento?

Normalmente a organização fica a cargo da mãe ou das irmãs da grávida. Se isso não for possível, então fica a cargo de uma das suas melhoras amigas, mas nunca da própria grávida.

 

Onde celebrar o evento?

O melhor é procurar um lugar privado para estarem mais à vontade. Se, por questões de espaço, não puder ser na casa de alguma das amigas, podem sempre alugar um pequeno espaço ou um jardim privado.

 

Quem convidar para a festa?

O normal é que se convide apenas mulheres, e as mais chegadas: familiares, amigas íntimas, colegas de trabalho com as quais tenha uma boa relação, etc. No entanto, também pode celebrar um Baby Shower misto e convidar o pai, o futuro padrinho da criança, amigos e familiares, etc. O problema desta opção é que as pessoas vão sentir-se mais incomodadas na hora de participarem nos jogos tradicionais e, assim, a festa não será tão divertida.

 

Quando realizar o evento?

Geralmente, realiza-se no último mês da gravidez e sempre que não haja risco de que o parto ocorra durante a festa. Procure um fim-de-semana até ao oitavo mês de gestação.

 

Convites para o evento

Em vez de telefonar a cada convidado ou enviar-lhe um email, é boa ideia recuperar as antigas tradições e preparar um convite especial para esse dia, que se possa mandar pelo correio ou dar em mão. Pode ser você mesma a preparar, decorando com motivos infantis, ou pode encomendar numa loja própria. Mande os convites com antecedência para que as pessoas tenham tempo de se organizarem e confirmarem a sua presença.

 

Comida e bebida

Se a festa for celebrada na hora do café, o melhor é preparar um pequeno buffet com chá, café, sumos, biscoitos, bolos, etc. Uma ideia original é preparar um fondue de chocolate, com frutas e biscoitos.

Se for um pouco mais tarde, prepare alimentos salgados: pequenas quiches, canapés, sandes, etc. Tudo o que se possa comer rápido e de pé, sem necessidade de se usar pratos nem talheres. Também pode juntar alimentos doces e salgados.

 

A decoração da festa

Uma boa festa necessita de uma decoração adequada. Pode comprar copos e pratos com motivos infantis, bonecos para decorar as paredes, etc. Sobretudo, muitos bebés e cegonhas.

 

As fotos

Se alguma das suas convidadas for uma boa fotógrafa, encarregue-a da tarefa de fotografar os momentos mais importantes da festa: a abertura das prendas, os jogos, etc. Também é boa ideia que façam um vídeo para mais tarde reviverem tudo o que se passou na festa.

 

Lembranças da festa

Por último, não se esqueça de oferecer uma lembrança às suas convidadas. Pode mesmo preparar um prémio para as vencedoras dos jogos.

 

O que oferecer?

O melhor é que a grávida prepare uma lista de prendas que mais falta lhe fazem, já que podem repetir-se presentes.

 

Jogos para um Baby Shower divertido

Uma vez abertos os presentes e depois de comerem, chega o momento mais divertido: a hora dos jogos. Damos-lhe algumas ideias para passar um bom bocado:

- Adivinhem o tamanho da barriga. Dê um rolo de papel higiénico aos convidados e diga a cada um para cortar um bocado à medida da barriga da mãe. O que mais se aproximar do tamanho real ganha o jogo.

- Bebé memória. Uma vez abertas as prendas, distribua papel e lápis entre os convidados, coloque todas as prendas juntas e dê alguns segundos para que as pessoas se fixem neles. Depois esconda-os e dê cinco minutos a cada convidado para escrever todos os presentes dos quais se recorda. O que mais objetos apontar ganha.

- Bebé Pictionary. Uma variação do clássico jogo Pictionary que todos conhecemos. Prepare vários papéis com ações e objetos relacionados com o bebé (dar peito, mudar a fralda, passear, etc.) e divida os seus amigos em grupos. Cada grupo escolhe um dos seus membros para que desenhe o que estiver no papel escolhido. Os outros terão de acertar. Quem mais acertar ganha.

- O desafio do biberão. Encha uns quantos biberões de água ou sumo e divida-os pelos convidados que vão participar. Conte até três para que os seus convidados bebam o conteúdo do biberão. Quem beber mais depressa ganha.


Fecha de actualización: 22-04-2021

Redacción: Irene García

Publicidade

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

×