Estimulação do bebé durante a gravidez

Estimulação do bebé durante a gravidez
Partillhar

Com frequencia acreditamos a paternidade começa quando o bebé nasce. No entanto vários estudos demostram que o pai pode começar a ser presente desde o momento que descobre que a mulher está grávida. Como? Simplesmente se comunicando com seu filho.

Pense que sua barriga é o primeiro lar do bebé. Tudo que ele experimentar ali vai determinar de alguma maneira seu futuro. O que faz o pré-natal crucial para estabelecer a estrutura de base de seu cérebro e construir as bases para o desenvolvimento de tempo potencial biológico , psicológico e social.

Estímulos externos, como acariciar a barriga , colocar uma música , luz ou submetê-lo a vibrações são sentimentos muito bons para o bebê, porque  atua como  primeiras lições de vida e ter uma influência muito positiva sobre o seu futuro.

O que é a estimulação pré-natal?

Estimulação pré-natal pode ser definida como o conjunto de medidas tomadas durante a gravidez que irá fornecer as experiências que a criança necessita para melhorar as suas competências e habilidades. Baseia-se no desenvolvimento e maturação do sistema nervoso central ( comando central das experiências da criança e do futuro adulto ) e, em particular do cérebro.

Não faz muito tempo que se pensava que o cérebro fetal era imaturo, incapaz de pensar ou ter memóeria e que não era possível nenhum tipo de aprendizagem que não fosse um reflexo de resposta.

No te puedes perder ...

Por volta do quinto mês de gravidez o número de células do cérebro que seu filho terá durante o resto da vida já está determinado, a partor deste momento o cérebro crescerá em tamanho e suas células em complexidade.

Segundo vários estudos, desde a segunda metade da gestação do bebé, já pode escutar e ver. Este é o momento ideal para começar a estimulação. Evidentemente, com o bebñe “preso” dentro de você a estimulação encontra bastantes limitações, embora assim possa se comunicar com seu filho de diferentes e variadas formas. Os exercícios tem uma metodologia específica, mas em geral consitem em escutar música clássica ( especialmente Mozart e com fones na barriga),  massagens, com movimento lentos e rítimos da mãe, falando com o bebé, etc.

Esta é a razão pelo qual é mais frequente os centros  que oferecem programas de estimulação  sensorial pré-natal dirigido ao desenvolvimento do bebé antes do nascimento. É o caso do Centro Avanza onde, conscientes da importacia da estimulação prévia ao nascimento, atendem a famílias interesadas em estimular a seus filhos, desde o primeiro momento da gravidez até idades tardias. Embora os exercícios pré-natais sejam  recomendados , como dissemos a partir do 5º mês, e, especificamente, no último trimestre , por terem desenvolvido todos os sentidos do feto e ele pode começar a processar melhor a informação que chega. "Há mães propomos uma série de exercícios de estimulação que englobem todas as áreas do cérebro de forma integral. Não somente de forma preventiva para permitir o desenvolvimento , mas de também de forma paliativa quando já se detecta uma disfunção” explica Marta Rodríguez, direto do Centro Avanza.

Nestes centros se ensina os exercícios as mães para que elas mesmas façam em casa. São exercícios para enviar estímulos ao bebé através dos diferentes sentidos:

- Ouvidos: músicas e ruídos

- Tato: com  massagens

- Vista: com luzes

- Vestibular: com movimento e equilíbrio

Apesar de se realizar em casa ( pode ser feito de maneira presencial) é realizado um acompanhamento por telefone caso seja necessário trocar alguns exercícios ou adequa-los a cada momento e a cada família. Obviamente, o programa consiste em exercícios muito simples, porque o cérebro da criança está em desenvolvimento e só é capaz de processar informações muito básicas.

Mas, sem dúvida, o principal estímulo para o bebê é o som. Apesar de a sua barriga ser um lugar barrulhento,tem sido demonstrado, por exemplo, que o bebé pode reconhecer seu tom de voz, mas também a do pai. Graças a várias pesquisas se comprovou que o bebé gira e se mexe ao escutar com frequência a voz do pai.

Benefícios para todos

Com meio hora diária ( seguida ou dividia em períodos de 5 minutos) estes exercícios favorecem que o bebé vá ao canal do parto com melhores recursos, de maneira que em um caso hipotético de complicações durante o parto ( sofrimento fetal, uso de instrumentos, etc), o bebé enfretará de forma satisfatória. Do mesmo modo são úteis para que o bebé se adapte ao novo mundo: deixou de viver protegido no útero, tem que respirar, comer , desafiar a gravidade . Graças aos exercícios os bebés são mais despertos e interagem mais com seus pais nos primeiros meses de vida.

Esses benefícios são somados aos da mãe. Ao estar o bebé mais preparado para nascer,as mães geralmente tem partos bons, não muito longos. Também permitem disfrutar mais de seus filhso nos primeiros dias, porque além de comer e dormir tem pequenos períodos de interação com seus pais, pois são bebés mais experientes.

“Também vale destacar – acrescenta Marta- que enquanto dura a estimulação na gravidez, o contato com a mãe e o bebé é constante, já que vê como vai reagindo os estimulos que lhe envia e responde com movimentos e chutes. Tudo isso faz que, logicamente, a estimulação seja muito emocionante para a mãe.”

As pesquisas realizadas emestimulação pré-natal,demonstrou que os benefícios não são para os bebés ou para as mães, mas também favorecer o estabelecimento do vínculo e relação entre os pais e do bebê ; estimulação pré-natal otimiza o desenvolvimento de sentidos do bebê como a base para a aprendizagem e desenvolvimento de competências cognitivas e intelectuais .

Estimulação pré-natal também para o tratamento de patologias

Exercícios de estimulação são adequados para todas as mães que se preocupam que seus filhos recebem estimulação adequada desde o início, mas especialmente também recomendada para crianças que foram diagnosticadas com alguma alteração por meio de ultra-som ou amniocentese (síndromes , hidrocefalia anormais ventricular ... ) . Também é importante em prematuros , mesmo sem sequelas neurológicas , para prevenir futuros imaturidade.

"Quando a doença é diagnosticada em um bebé é muito importante começar a trabalhar o mais rapidamente possível e se o fizermos durante a gravidez ganhamos três meses de vantagem. No entanto , temos de continuar a trabalhando , uma vez que a criança nasce , mas vamos ter aliviado algumas das manifestações posteriores. É importante acrescentar que sempre que falamos de uma doença nos referimos a distúrbios neurológicos , independentemente da origem ou porque são causadas (a síndrome, uma alteração , imaturidade ... ).  Estimulação enviada para o cérebro , portanto, não é adequado para um coração ou semelhantes , a menos que seja combinado com um problema problema neurológico ".

Quanto a saber se eles são exercícios de estimulação eficazes para prevenir certas doenças , ainda não posso garantir nada , como é reconhecido a partir do Centro Avanza: "Enquanto não há estudos que refletem a relação causa-efeito entre a estimulação e diferentes doenças e poderíamos nunca sabe o que teria acontecido com a criança , se não houve estimulação , ao nascer o bebê maduro melhor voltado para o meio ambiente, e sabe-se que ajuda em muitos casos, diferentes patologias e detectado , o que sugere que ela também pode ajudar a impedir que " .

 

 

 

 

Fuentes: Marta Rodríguez. Centro Avanza (Madrid)



Fecha de actualización: 23-04-2015

Redacción: Irene García

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

×


×
×
×
*/?>