Aprenda a fotografar as crianças enquanto brincam

Aprenda a fotografar as crianças enquanto brincam
Partillhar

Temos a sensação de que as crianças crescem muito depressa, num momento dão os seus primeiros passos e depois já se estão a preparar para o primeiro dia de escola. Visto que tudo se mexe tão rapidamente, capturar todos esses pequenos e maravilhosos momentos com uma máquina fotográfica pode ser uma extraordinária maneira de conservar as recordações para que perdurem toda uma vida.

No entanto, as fotografias de bebés e crianças não estão isentas de dificuldades e, frequentemente, uma oportunidade magnífica para realizar uma fotografia pode acabar numa batalha campal.

Da mão de especialistas da marca Nikon juntamente com uma equipa de galardoados fotógrafos de bebés e crianças, Faye e Trevor Yerbury, damos-lhe alguns conselhos fáceis de seguir para obter os melhores resultados nas suas fotos das férias e do resto do ano.

Crie um ambiente relaxante:

Antes de começar é importante assegurar-se de que a criança está tranquila e cómoda. Trevor aconselha não criar expectativas nem níveis de excitação aos mais pequenos. Não lhes diga que as vai fotografar, é melhor que não o saibam e, para além disso, fale-lhes lentamente num tom pausado. O ideal seria apenas fotografar os bebés e as crianças quando se encontrarem no seu melhor momento. Dessa forma, tente evitar uma sessão fotográfica se parecem incómodos ou se estão doentes, já que se mostraram muito inquietos. Faye acrescenta que as crianças precisam de divertir-se enquanto são fotografadas, pelo que é primordial dedicar-lhes todo o tempo do mundo e encher-se de paciência.

No te puedes perder ...

Como ensinar o meu filho a dormir a sesta?

Como ensinar o meu filho a dormir a sesta?

A sesta é muito recomendável, tanto para as crianças como para os adultos, já que ajuda a aguentar a jornada, a recuperar as forças perdidas e a estarmos menos irritáveis e cansados ao fim do dia. Se não consegue fazer com que o seu filho durma a sesta despois de comer, planifique uma rotina para que tudo fique mais fácil.

Experimente mostra-lhes algumas das imagens na máquina ou, melhor ainda, deixa que elas mesmo tirem uma fotografia já que isto lhes dará uma ideia aproximada do que estão a fazer e irá ajudá-las a sentirem-se como parte integrante do processo criativo.

Não lhes diga “um sorriso para a câmara”:

O melhor conselho de Trevor é que nunca se deve dizer a uma criança que sorria ou que pode para a câmara, já que tudo o que conseguirá é criar o clássico sorriso da “fotografia escolar”. Se interagir com as crianças com naturalidade, as oportunidades para obter uma boa foto surgirão de maneira espontânea e, frequentemente, as imagens de uma criança de aspecto mais pensativo e relaxado são as que oferecem o melhor impacto visual. Lembre-se, as crianças reagem de maneira brusca se lhes pedem continuamente que sorriam, já que esta situação é alheia ao seu mundo.

Prepare o cenário:

Se vai fotografar bebés num espaço vazio de interior, Faye recomenda que procure uma zona com a melhor iluminação, já que é preferível contar com uma luz suave e ténue. Uma cama desfeita coberta de mantas brancas seria a posição ideal. Se não for possível, tente no chão próximo de uma janela que proporcione uma luz suave. Como fundo poderá utilizar uma manta ou lençol que proporcionará um bonito enquadramento neutro e, para além disso, actuará como reflector do bebé, o que ajudará a reduzir as sombras.

Se tem paciência, espere que o bebé adormeça e, então, conseguirá imagens serenas e muito bonitas. Lembre-se que não se trata apenas da cara do bebé, capture também os pequenos detalhes, como as mãos e os pés. Faye aconselha não permanecer sempre de pé por cima da altura das crianças, de maneira a que tenha de olhar para baixo para fotografar. Pelo contrário, agache-se ao nível dos seus olhos e não tenha medo de aproximar o zoom ao máximo para enquadrar toda a sua cara. Em algumas ocasiões, com esta acção capturará expressões naturais e únicas.

Por seu lado Trevor afirma que quando se trabalha com crianças no exterior os baloiços, as portas antigas, os muros de pedra e as grandes árvores convertem-se em fundos muito interessantes. Também propõe que se evitem fotografias a determinadas horas, por exemplo durante o meio-dia de um dia de Verão solarengo e quente, já que as crianças terão um brilho nos olhos e a luz será demasiado intensa. Para além disso, a essa hora do dia a luz adquire uma tonalidade azul, por isso, se possível, convém esperar por uma hora mais avançada do dia em que a luz seja mais suave e pálida.

A máquina às costas:

Finalmente, sempre que passe um tempo com os seus filhos tente levar uma máquina fotográfica para o caso de presenciar grandes momentos. Não espere que o seu filho se sente e pouse para si, as crianças apenas querem divertir-se. Dessa forma, deverá esperar pelo momento oportuno, especialmente quando capturar fotografias de acção.

Permita que as crianças expressem as suas emoções e se divirtam enquanto você matem o dedo sobre o botão da máquina sempre preparada para captar cada momento. Dispare muitas fotografias, nunca é demais já que, actualmente, é possível apagar aquelas que não gosta.

Alguns truques para fotografar crianças:

Se quer que sorriam não lhes peça … faça-as rir!

Escolha fundos lisos ou o mais simples possíveis para centrar o protagonismo na criança.

Lembre-se que as crianças não param. Algumas máquinas fotográficas compactas incluem “opção crianças”.

Utilize o modo multi-disparo. Terá mais possibilidades de que alguma coisa corra bem. Depois é só escolher a fotografia que mais gosta.

Não se conforme com o revelar as fotos em papel ou em armazená-las no computador. Aproveite e personalize peluches, almofadas, entre outras coisas, com as suas fotos.



Fecha de actualización: 30-06-2010

TodoPapás es una web de divulgación e información. Como tal, todos los artículos son redactados y revisados concienzudamente pero es posible que puedan contener algún error o que no recojan todos los enfoques sobre una materia. Por ello, la web no sustituye una opinión o prescripción médica. Ante cualquier duda sobre tu salud o la de tu familia es recomendable acudir a una consulta médica para que pueda evaluar la situación en particular y, eventualmente, prescribir el tratamiento que sea preciso. Señalar a todos los efectos legales que la información recogida en la web podría ser incompleta, errónea o incorrecta, y en ningún caso supone ninguna relación contractual ni de ninguna índole.

0 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
×


×
×
×
*/?>