A fecundabilidade. Como aumentar as possibilidades de conceber?

A fecundabilidade. Como aumentar as possibilidades de conceber?
compart

O que é que deve saber para aumentar as possibilidades de uma gravidez durante um período menstrual? Quais são os dias mais férteis do ciclo menstrual de uma mulher? A fecundabilidade é um conceito pouco conhecido, no entanto, é muito crucial na hora de se conseguir uma gravidez. Levar uma vida saudável, ter cuidado com a alimentação, ingerir certas substâncias, como o ácido fólico ou a vitamina B e evitar o stress são algumas das chaves para aumentar as possibilidades de conseguir uma gravidez o mais rápido possível.

O que é que deve saber para aumentar as possibilidades de uma gravidez durante um período menstrual? Quais são os dias mais férteis do ciclo menstrual de uma mulher? A fecundabilidade é um conceito pouco conhecido, no entanto, é muito crucial na hora de se conseguir uma gravidez. Levar uma vida saudável, ter cuidado com a alimentação, ingerir certas substâncias, como o ácido fólico ou a vitamina B e evitar o stress são algumas das chaves para aumentar as possibilidades de conseguir uma gravidez o mais rápido possível.

O que é a fecundabilidade?

Como explica a Dra. Victoria González, ginecologista espanhola, a fecundabilidade é a probabilidade de se conseguir uma gravidez durante um ciclo menstrual. Para ajudar a desmistificar este conceito podemos definir outros termos relacionados com a fertilidade: como a fecundidade (capacidade para conseguir um feto vivo e viável num ciclo menstrual), a própria fertilidade (capacidade para conseguir uma gravidez) e a esterilidade (incapacidade para conseguir uma gestação).

Alimentação para conceber!

Alimentação para conceber!

 Depois de pensar em ter um filho é importante que pense também em toda a preparação que tem de ter para as exigências posteriores de uma gravidez: uma delas é, sem dúvida, a alimentação. Quando está a tentar engravidar existem vários nutrientes importantes, tanto para a qualidade do óvulo e do esperma como para a implantação do embrião e do desenvolvimento do feto.

 A dieta e a fertilidade são dois factores que se juntam, pelo que é preciso conhecer que alimentos contribuem para aumentar as possibilidades de conceber um bebé. Pelo contrário, existem outros que podem diminuir as probabilidades de conseguir engravidar. Descubra quais são:

   



Na espécie humana, um casal sem problemas de fertilidade e com relações sexuais regulares e não protegidas tem uma probabilidade de 20 a 30% de conseguir uma gravidez por cada ciclo ovulatório. Assim, cerca de 85% dos casais férteis concebem no primeiro ano de tentativas de gestação.

As relações sexuais levadas a cabo a cada dois ou três dias optimizam ao máximo a possibilidade de uma gravidez.

Quais são os dias férteis num ciclo menstrual de uma mulher?

Habitualmente um ciclo é de 27 a 28 dias, sendo o primeiro dia do ciclo o primeiro da menstruação. Os dias férteis são de 10 a 15. É o período periovulatório, quando a mulher liberta um corrimento transparente e viscoso. Este período não se produz sozinho depois da ovulação, já que o óvulo apenas pode ser fecundado nas 24 horas seguintes a esta. Assim, o espermatozóide poderia fecundar até ao máximo de sete dias depois do coito.

Se o ciclo é mais curto, 22 a 26 dias, a ovulação produz-se antes. Desta forma, os dias férteis são de 7 a 12. No entanto, se pelo contrário o ciclo for de 30 a 35 dias, os dias férteis são entre o dia 14 e o dia 19 do ciclo.

A temperatura basal só aumenta a partir da ovulação, devido ao aumento da progesterona no sangue. Isto apenas ocorre no último dia fértil do período.

A fecundabilidade diminui com a idade?

Sim, a capacidade reprodutora de uma mulher diminui a partir dos 35 anos e esta diminuição é muito mais significativa a partir dos 40 anos. Assim, será menos provável conseguir uma gravidez por ciclo a partir dessa idade. A razão pela qual isto acontece é devido ao enfraquecimento da qualidade dos óvulos, talvez por problemas nos cromossomas.

Apesar de não estar definitivamente comprovado, possivelmente a idade do homem também influência a diminuição da fecundabilidade. Provavelmente, a partir dos 45 anos a capacidade dos espermatozóides para fecundar um óvulo diminui.

O estilo de vida influencia a fecundabilidade?

Existem diversos hábitos de vida que influenciam negativamente uma possível gestação, como o tabaco, o álcool, a cafeína, as drogas, os medicamentos, etc. Se toma alguma destas substâncias frequentemente, será mais difícil conseguir uma gestação, já que os tóxicos alteram a evolução do embrião e não permitem que este se produza.

Se sofrer de obesidade é recomendável que perca peso, isto porque a qualidade dos óvulos melhorará significativamente. Por outro lado, se a mulher é demasiado magra possivelmente também terá dificuldades em engravidar. Assim, uma dieta saudável e equilibrada, completada com exercício, aumenta a fecundabilidade. Tome algumas vitaminas e antioxidantes (como a vitamina B e o ácido fólico) para ajudar a melhorar a qualidade do sémen.

Conselhos para aumentar as oportunidades

  • Evite certas substâncias e actividades prejudiciais: Existem tóxicos utilizados no ambiente laboral que prejudicam a saúde reprodutiva, como fertilizantes, pesticidas e detergentes. Também o calor merece uma atenção especial. Os rapazes que se vejam expostos a um aumento da temperatura escrotal, como os condutores, podem ver a sua qualidade seminal afectada.
  • Por outro lado, o stress, tanto no homem como na mulher, pode prejudicar as possibilidades reprodutoras. Aprendam a relaxar com massagens, yoga, meditação, etc.
  • Não programar. Na sociedade ocidental moderna temos a mania de programar tudo, inclusive a chegada de um filho, etc. Este excesso de planificação influencia e dificulta uma gestação.
  • Desfrute das relações. Algumas mulheres concentram-se tanto em ficar grávidas que se esquecem do prazer em ter relações.
  • É importante saber que conseguir uma gravidez não é difícil e que a maioria dos casais consegue-o nos primeiros seis meses de tentativas. Tudo isto sem stress, com tranquilidade e deixando-se aconselhar por profissionais.

De acordo com a ginecologista espanhola “os casais não têm grandes problemas de fertilidade, o que lhes falta é uma vida sexual activa, com relações regulares. E é verdade que a angústia por se querer ter um filho influencia negativamente a frequência e a qualidade das relações”.

Conselhos naturais para engrossar a parede uterina

A parede uterina deveria ter uma grossura de 9 a 10 milímetros antes da implantação. Poder tentar fazer o seguinte:

  • Tomar suplementos de vitaminas antioxidantes C e E, bem como selénio. Isto para se proteger contra os danos provocados pelos radicais livres.
  • Comer alimentos que contenham bioflavonóides, como citrinos, uvas e tomates. Estes possuem propriedades antioxidantes e melhoram o fluxo sanguíneo.
  • Tomar um suplemento de vitamina B e assegurar que segue uma dieta rica nesta vitamina, isto para engrossar a parede uterina.
  • Tome alimentos ricos em ácidos gordos essenciais, ferro e proteínas: deve incluir nozes, espinafres, sementes, alho e aveia na sua alimentação.
  • A arginina, um aminoácido, também melhora a parede uterina, deve ser tomado como suplemento.
  • A acupunctura pode melhorar o fluxo de sangue até ao endométrio.

 

1 Comentários

Escreva o seu comentário

iniciar sessão inscrição
  1. Anônimo

    "A esperança é a ultima a morrer.".

    Responder
    ×


    ×
    Volver

    Nós usamos cookies para melhorar a qualidade do serviço , medir a audiência e oferecer publicidade que podem ser de interesse . Se você continuar a navegar entendemos que você aceitar a nossa Política de Cookies.