Fecundaçao em vitro

Fecundaçao em vitro
compart

A FIV pode ser realizada com o esperma do casal que deseja fazer a fecundação ou com o esperma de um doador. Se o esperma do casal, depois de ser analisado, resulta que não tem a qualidade suficiente para fazer uso dele,  então serão escolhidos os espermas do doador.

A FIV pode ser realizada com o esperma do casal que deseja fazer a fecundação ou com o esperma de um doador. Se o esperma do casal, depois de ser analisado, resulta que não tem a qualidade suficiente para fazer uso dele,  então serão escolhidos os espermas do doador.

Procedemos à utilização dos sêmen do casal nos seguintes casos:

  • Quando há um falho com as alternativas anteriores como a inseminação artificial
  • Mulheres com lesões ou ausência de trompas de Falópio
  • Mulheres com endometriose ou dificuldade para produzir ovócitos
  • Sêmen do casal é capaz de alcançar a gravidez

Procedemos à utilização do sêmen de doadores nos seguintes casos:

  • Quando a FIV falhou com o sêmen do casal
  • Em caso de fator masculino grave ou uma má qualidade do esperma
  • Quando o homem possui alguma doença genética que pode ser transmitida.
  • Em caso das mulheres que desejam ser mães independentes.

Para realizar corretamente a FIV é preciso seguir um importante protocolo que há de começar por decidir o sêmen a ser utilizado.

Por um lado, você pode escolher o esperma do casal, caso tenham fracassadas as alternativas anteriores, como a inseminação artificial, mulheres com lesão ou ausência de trompas de Falópio, mulheres com endometriose avançada, com dificuldade para produzir ovócitos ou nos casos que o sêmen tem as qualidades necessárias para conseguir a gravidez;

A vitrificação de óvulos

A vitrificação de óvulos

No que é que consiste esta técnica? Como é que é levada a cabo? Para que é que serve? Se é uma das pessoas que não sabe nada sobre a vitrificação e quer passar a sabê-lo, o Dr. Vicente Badajoz, responsável do laboratório de uma clínica espanhola, esclarece todas as suas dúvidas.

Por outro lado, o sêmen de um doador pode ser utilizado quando acorra um falho com o sêmen do casal na hora da FIV, quando se identifica um factor masculino grave ou uma má qualidade do esperma, quando o homem sofre de algum tipo de doença genética que podem ser transmitidas ou em casos de mulheres que desejam ser mães independentes.

Uma vez que o sêmen foi escolhido para realizar o tratamento, prossegue para a próxima fase, que consistirá de uma estimulação do ovário. Este procedimento é realizado a través da prescrição de medicamentos para que os  ovários sejam capazes de produzir mais do que um ovo por mês e assim, aumentar as chances de gravidez.

Depois de ter sido monitorado por ultrassom o estado de evolução e o crescimento dos ovos, é programada a punção do ovário lombar no momento mais adequado.

Depois de retirar os óvulos e os espermatozoides do casal ou do doador, prossegue para a introdução de um espermatozoide vivo no óvulo a través da técnica de microinjeção, ICSI, ou por fertilização em vitro convencional, que consistirá em circundar o óvulo com o espermatozoide, assim o óvulo será introduzido e fecundado de maneira natural’

Os embriões que foram fertilizados será observado no laboratório para descartar aqueles que não são viáveis.

Finalmente, prossegue o transfer, os embriões selecionados, no máximo dois, são introduzidos no útero por um técnico especialista em cirurgia.

Depois de todo o processo feito, começa um seguimento  amplo para verificar se foi alcançada a gravidez.

O resto de embriões que foram fertilizados se congelam e se reservam para usá-los em um tratamento futuro se necessário, para que no caso de ter que executar a técnica mais uma vez, não seja preciso executar a estimulação do ovário novamente.

A taxa de sucesso cumulativa na IVI em tratamentos de fertilização em vitro para terceira tentativa, atinge quase 90 pacientes que frequentam as clínicas especializada e de segurança como IVI, ascende a 90%.

Se você está pensando em fazer este tipo de procedimento de fertilização, procure sempre os profissionais e clínicas especialistas medicina reprodutiva.

Fuente: Clínica IVI (http://www.ivi.es/pacientes/tratamientos-reproduccion-asistida/).

Artigos relacionados

Bebé

Partos múltiplos

Embora estar grávida de dois ou mais bebés seja uma experiência maravilhosa e uma grande satisfação para os pais, há que ter em conta que quantos mais são...

¿Problemas en la ovulación?

Problemas na ovulação

Uma ovulação irregular ou a ausência da mesma são complicações bastante frequentes, no entanto, a maioria dos casos têm um tratamento simples e eficaz que permite a concepção. Apenas é necessário um...

1 Comentários

Escreva o seu comentário

Para comentar este artigo você deve iniciar sessão sua conta ou inscrição.

  1. Selma Silva

    "Ola! Eu estou com 42anos fiz lac.adura muito nova ,e agora quero ter um BB com meu novo companheiro e com o método de fecundação invitro qual minha chance".

Nós usamos cookies para melhorar a qualidade do serviço , medir a audiência e oferecer publicidade que podem ser de interesse . Se você continuar a navegar entendemos que você aceitar a nossa Política de Cookies.